CBFA participa de audiência pública no Congresso Nacional
Foto: Cris Kajiwara/CBFA

CBFA participa de audiência pública no Congresso Nacional

Grande dia para o futebol americano brasileiro. Pela primeira vez na história, o FA foi tema de audiência pública promovida pela Comissão de Esportes da Câmara dos Deputado. O presidente da Confederação Brasileira de Futebol Americano, Ítalo Mingoni, participou do encontro requerido pelo deputado Julio Cesar Ribeiro e que ocorreu nessa quarta-feira (26), em Brasília, capital federal. A solenidade contou com a presença da deputada federal Greyce Elias; do jogador do Miami Dolphins, o mato-grossense Durval Queiroz Neto; do comentarista do canal ESPN, Antony Curti, entre outras autoridades.

O gestor da CBFA, Ítalo Mingoni, avaliou positivamente a reunião: "Eu de fato acredito que foi muito importante a abertura que a gente teve com o poder público. A Confederação tem nos seus planos trabalhar através de leis de incentivo e começar a pleitear, fazendo que futebol seja abarcado em outras leis, como exemplo a Lei Agnelo/Piva, que é específica para desportos olímpicos, e talvez essa abertura faça abrir uma nova discussão no Congresso sobre a utilização desses recursos", pontuou Mingoni. De acordo com o presidente da CBFA, outros pontos importantes foram também debatidos: "A isenção de taxas sobre importação de equipamentos para esportes olímpicos e a possibilidade de englobar o futebol americano. Também falamos sobre a facilitação da utilização de equipamentos públicos, como campos e arenas, para o FA, já que vem se perdendo o estigma de que o futebol americano estraga gramado".

O objetivo agora é estreitar esse laço com os parlamentares: "O pontapé inicial foi dado para a relação entre a nossa comunidade e o poder público. A partir desde ponto, vamos fazer um trabalho conjunto com a Câmara dos Deputados e com o Senado. Os deputados presentes na audiência já disseram que vão montar uma frente parlamentar sobre esporte no Brasil, pois eles ficaram surpresos com o crescimento e com o número praticantes. Com certeza conseguimos atrair os olhares, o que eu acredito que tem um viés muito positivo para Confederação e principalmente para o futebol americano em geral", cravou Ítalo Mingoni.

Para conferir a audiência, clique aqui.